Economia

Sinop aumenta vendas de produtos no exterior no quadrimestre e melhora balança comercial

O relatório de exportações de Sinop no primeiro quadrimestre de 2020, elaborado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, mostra momento favorável para o município com um avanço de 4% no valor vendido para o exterior na comparação com o mesmo período. Por outro lado, as importações caíram 32,5% e o saldo da balança comercial aumentou, fechando os quatro meses iniciais deste ano com superávit de U$ 236 milhões.

As vendas dos produtores sinopenses entre janeiro e abril atingiram a marca de U$ 258 milhões e superaram as comercializações do primeiro quadrimestre de 2019 em U$ 10 milhões. Os números respondem por 4,9% de tudo oque Mato Grosso já exportou neste ano e coloca a cidade como a 8ª maior exportadora do estado no período e a 55ª do país. As importações foram reduzidas em U$ 11 milhões. Caíram de U$ 32,4 milhões para U$ 21,9 milhões.

Apesar de reduzir o número de países para os quais Sinop vendeu, o município se destacou com as vendas para a China, que cresceram 32% em relação ao primeiro quadrimestre do ano passado. O gigante asiático é o principal destino das vendas sinopenses com 43% do mercado.

Entre os cinco principais destinos, somente a Turquia reduziu as compras em 31% e caiu para a terceira colocação com 8,3% das compras. O segundo lugar foi assumido pelo México, com 10% de participação. Fecham a lista a Espanha, com 8,1%, e o Reuni Unido, com 6,2%.

A soja domina as vendas com quase 90% de participação, seguida do milho com 8,8%. Madeira e carne completam a lista de produtos exportados.

Só Notícias/Marco Stamm (foto: assessoria/arquivo)