Economia

Senador diz em Sinop que importação de arroz prejudica produtores brasileiros

A soja já ocupou seu espaço e agora o arroz encontra seu habitat natural no Norte de Mato Grosso. A afirmação é do senador Jonas Pinheiro, que esteve participando da 8ª Festa do Arroz em Sinop.

“O caminho do arroz também vem em direção a Amazônia e amazônia começa em Mato Grosso. A irrigação aqui é natural, é a quantidade de chuva que cai por ano. Por isso plantamos arroz agulhinha que é próprio de irrigação, em área de sequeiro. É tão valioso em preço quanto o arroz do sul, mas é muito mais barato na produção”, explicou.

O senador disse que o Norte de Mato Grosso tem todas as condições para ser um núcleo na produção de arroz. “Ao convidar produtor, tem que convidar o industrial porque quem vai trazer estabilidade do produto na região são aqueles que comercializam e os que industrializam”, destacou.

Jonas ressaltou que seca no Sul do país prejudicou a produção de arroz no Brasil. “Nós temos um problema muito sério que é a importação de arroz da região do Mercosul. Temos que tomar medidas legislativas porque essa ação de importar arroz quando não precisamos importar só porque estamos dentro do Mercosul. Isso atrapalha o produtor brasileiro porque é uma concorrência predatória com arroz de outros países ligados ao Mercosul”, afirmou o senador, que também é produtor rural em Mato Grosso.