Economia

Produtores e lideranças de Lucas R. Verde se reúnem hoje para definir tratoraço

O Sindicato Rural de Lucas do Rio Verde fará hoje, a partir das 08:30h, na câmara municipal, uma assembléia extraordinária com produtores rurais, comerciantes e lideranças políticas, para definir e mobilizar o maior número possível de participantes no tratoraço, em Brasília.

De acordo com Helmut Lawisch, presidente do sindicato, deverão sair cerca de 3 ônibus de Lucas do Rio Verde. “Nossa previsão é sair do município no dia 26, às 05:00h, direto a Brasília. Pretendemos chegar no dia 27 às 06:00h”, disse ele.

Segundo o presidente, este é o momento oportuno para os agricultores se mobilizarem e irem até Brasília para reivindicar suas necessidades de recursos. “Queremos deixar esse alerta a todos os produtores da região, especialmente de Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Sorriso, Tapurah, Ipiranga do Norte, Nova Ubiratã e Santa Rita do Trivelato. Este é o momento! Segundo a resolução do Codefat (Conselho de Defesa do Fundo de Assistência ao Trabalhador) os produtores rurais de municípios que não tiverem o estado de emergência reconhecido pelo governo federal, ficarão fora da possibilidade de renegociação de suas contas, de resgate de CPRs com três instituições financeiras e multis ligadas ao agronegócios, com recursos do FAT”, frisou.

Segundo Helmut, os produtores do sul do país já estão em situação mais “confortável. Nós, até então, estamos fora desse processo de renegociação. Os produtores devem relamente participar mais e não ficar esperando que meia dúzia de participantes ou lideranças resolvam seus problemas”, afirmou.

“É hora de mostrar ao Brasil que nós somos geradores de empregos, de impostos e responsáveis em geração de divisas para o superávit da balança comercial que muito bem faz para a economia nacional. Por hora, os produtores mato-grossenses estão sendo massacrados pela mídia nacional como os grandes bandidos do meio-ambiente”, finalizou.