Economia

Nova Mutum interrompe sequência de 7 meses e tem mais demissões de funcionários

A sequência positiva de sete meses com as empresas gerando mais empregos com carteiras assinadas em Nova Mutum foi interrompida, em agosto. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério da Economia, foram fechadas 59 vagas a mais, saldo de 977 funcionários mandados embora e 918 contratados.

O setor de serviços foi o que dispensou. Foram 302 desligamentos, 258 contratações resultando no fechamento de 44 vagas. O segundo pior desempenho foi na agropecuária com 30 encerradas a mais, saldo de 121 desligamentos e 91 contratações.

No mês passado, Só Notícias constatou ainda no painel do Caged que a indústria foi responsável por segurar o resultado para o impacto não ser ainda maior. O setor gerou 14 postos de trabalho e o comércio um a mais.

Em todo o Estado, conforme Só Notícias já informou, foram criadas 6.035 vagas de empregos. No município de Sinop as empresas geraram 593 vagas de empregos e em Sorriso 362. 

 

Redação Só Notícias (foto: assessoria/arquivo)