Economia

Mercadorias que seguiam para Nova Mutum foram apreendidas

A Secretaria de Estado de Fazenda esclarece que em relação aos caminhões apreendidos que transportavam mercadorias com o terceiro eixo levantado para sonegar imposto, divulgado na semana passada, as mercadorias eram originárias de várias empresas dos Estados de São Paulo e Rio Grande do Sul, e não apenas da empresa Fabrimóveis Industrial Ltda, de Mirassol (SP).

É importante destacar que as mercadorias eram destinadas à empresa Araguaia Móveis e Eletro Ltda, de Nova Mutum, responsável pelo pagamento do ICMS que não havia sido recolhido ao Estado de Mato Grosso. Após a apreensão, o imposto e multa foram pagos e as mercadorias liberadas.