Economia

Mato Grosso tem novo saldo positivo na geração de empregos com 4,2 mil contratados a mais

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério da Economia divulgou, há pouco, que Mato Grosso teve, em março, novo saldo positivo com a geração de empregos com 4.277 vagas a mais. Por outro lado, o resultado é 63.6% menor no comparativo com fevereiro quando foram geradas 11.750 vagas.

No mês passado, quatro setores foram responsáveis pelo bom desempenho. O serviço foi o que mais se destacou ao criar 2.195 vagas a mais, resultado de 12.170 admissões e 9.975 desligamentos.

Na sequência, aparece a indústria com 1.221 empregos gerados a mais, diferença de 5.815 admissões e 4.594 mandados embora. O comércio (um dos mais impactados pela pandemia da Covid) teve o terceiro melhor resultado ao criar 1.133 vagas. No período, foram 11.755 admissões e 10.642 desligamentos.

A construção civil criou 1.082 vagas, saldo de 3.630 contratados (serviços especializados em acabamentos, instalações elétricas, hidráulicas, demolição, construção de edifícios entre outras) e 2.546 demitidos.

No mês passado, a agropecuária foi o único setor com saldo negativo ao dispensar 1.354 e contratar 2.546 trabalhadores a mais.

Só Notícias/Cleber Romero (foto: assessoria/arquivo)