Economia

Mato Grosso gera mais de 4,1 mil vagas de empregos e tem 5º mês seguido de resultado positivo

O Estado de Mato Grosso teve, pelo quinto mês seguido, saldo positivo na geração de empregos, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, divulgados ontem. Em agosto, as empresas e indústrias de todos os segmentos comerciais geraram 4.125 vagas a mais, resultado de 35.144 trabalhadores contratados e 31.019 demitidos. Em julho, o resultado foi melhor ao gerar 4.169 vagas.

No mês passado, a indústria de transformação foi o setor que mais se destacou com 1.416 vagas a mais, resultado de 5.353 contratações e 3.937 demissões. Só Notícias constatou ainda que o segundo melhor resultado ocorreu nos serviços  com 1.249 novos postos de trabalho, saldo de 10.355 funcionários admitidos e 9.106 dispensados

Na sequência, aparece o setor da construção civil ao gerar  487 vagas a mais, resultado de 3.027 mil serventes e pedreiros contratados e 2.540 mandados embora. O comércio gerou 432 vagas a mais, saldo de 9.803 contratos formalizados e 9.371 encerrados. O extrativismo mineral abriu 138 vagas a mais, resultado de 226 contratados e 88 demitidos.

No mês passado, apenas os serviços industriais de utilidade pública encerrou postos de trabalho. Forma 30 vagas encerradas a mais, resultado de 240 mandados embora e 210 contatados.

Ainda de acordo com dados do Caged, com esse resultado, Mato Grosso gerou, em 12 meses, 22.102 empregos formais, resultado de 402.987 admissões e 380.885 demissões. Já de janeiro a agosto deste ano, foram criadas 29.522 vagas a mais, saldo de 285.863 contratos formalizados e 256.341 encerrados.

Só Notícias/Cleber Romero (foto: arquivo/reprodução)