Economia

Mais de 50 postos de combustíveis foram autuados e um interditado em Mato Grosso pela ANP

O levantamento feito pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) mostrou que 195 postos de combustíveis foram fiscalizados em Mato Grosso no primeiro semestre do ano passado e, 60, receberam autos de infração por alguma irregularidade. Peno menos um foi interditado.

A pesquisa aponta que 17% dos postos foram autuados por não cumprirem notificações, 15% por equipamentos ausentes ou em desacordo com a legislação e 13% por não prestarem informações aos consumidores. O gráfico também mostra infrações em 11% dos postos por comercializar ou armazenar combustíveis em desacordo com a especificação.

Se comparado com outros Estados, Mato Grosso empata em 7% com Ceará, Minas Gerais e Paraná em levantamento dos autos de infrações. O etanol foi o combustível em que a agência mais encontrou irregularidades.

Em Cuiabá,  a Delegacia do Consumidor, Instituto Pesos e Medidas de Mato Grosso, secretaria estadual de Fazenda e Superintendência de Defesa do Consumidor fizeram a fiscalização. Os dados do 2º semestre ainda serão divulgados.