Economia

Governo do Estado faz parceria com empresa para capacitação de jovens e adolescentes

O governo de Mato Grosso e uma empresa fabricante de bebidas firmaram uma parceria para proporcionar a capacitação e empregabilidade de jovens com idade entre 16 e 25 anos. A iniciativa irá disponibilizar 500 vagas para o Coletivo Online, programa de empregabilidade 100% digital do Instituto. O acordo foi firmado através de várias secretarias e Unidade de Ações Sociais e Atenção à Família , representada pela primeira-dama do Estado, Virginia Mendes.

“Essa é uma ótima notícia para os jovens que querem ser inseridos no mercado de trabalho. O melhor de tudo é que eles poderão fazer os cursos de onde estiverem para aproveitar ao máximo essa oportunidade. Tenho certeza que será um sucesso essa primeira etapa e no que depender de nós, essa ação alcançará cada vez mais jovens do nosso estado”, destacou Mendes, através da assessoria

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda, este é um trabalho conjunto que trará resultados positivos para todos os envolvidos. “Estamos nos unindo pelo bem comum, buscando a qualificação de jovens, preparando-os para o mercado de trabalho. Inicialmente serão 500 novos trabalhadores capacitados, mas já estamos vislumbrando novas turmas para 2022. Essa parceria com a empresa deve perdurar se depender do empenho de todos”,

A capacitação gratuita é realizada de forma online e pretende preparar e encaminhar os jovens do Estado para o mercado de trabalho. As inscrições estarão abertas a partir do dia 18 de outubro e seguem até o dia 5 do próximo mês.

“Temos ampliado nossas ações em prol da empregabilidade de jovens no território de atuação da empresa. Para isso, temos contado com a parcerias de entidades governamentais e empresas na articulação de estratégias que possibilitem o suporte necessário para a preparação e empregabilidade desses jovens”, explicou o gerente de Relações Externas da empresa, Arthur Ferraz.

O Coletivo já impactou mais de 100 mil jovens somente nos estados que compõem o território de atuação da empresa. Destes, cerca de 30 mil ingressaram formalmente no mercado de trabalho nos últimos anos. Só esse ano, cerca 10 mil alunos se formaram via Coletivo no território da empresa, dos quais, três mil já ingressaram no mercado de trabalho. “Essa ação conjunta promoverá o empreendedorismo jovem de nosso Estado, gerando oportunidades e inclusão no mercado de trabalho desta nova geração com um olhar para a Economia Criativa e suas potencialidades econômicas”, destaca a superintendente de Desenvolvimento da Economia Criativa da Secel, Keiko Okamura.

 

 

Redação Só Notícias