quinta-feira, 23/maio/2024
PUBLICIDADE

Governo diz que grupo Chinês avalia Nova Mutum e Lucas para implantar indústria de aminoácidos

PUBLICIDADE
Só Notícias (foto: arquivo/assessoria)

O governo do Estado informou, esta tarde, que, uma semana após o fim da missão na China liderada pelo vice-governador Otaviano Pivetta a China, membros de uma gigante chinesa visitam Mato Grosso com a intenção de investir numa indústria para a produção de aminoácidos a partir do milho. O vice-presidente do grupo chinês, Zhang Shifeng, e três pesquisadores do Departamento de Desenvolvimento Estratégico da companhia, percorrem, até o próximo dia 5, Nova Mutum, Lucas do Rio Verde, Primavera do Leste, Campo Verde e Cáceres. 

A escolha se deve porque Mutum e Lucas têm forte potencialidade no agro e devem ser cortados pela Ferrovia Estadual, até 2030. Já Primavera do Leste se destaca pela adoção de tecnologias avançadas e práticas inovadoras, impulsionando a produtividade e a qualidade dos produtos. Além disso, a cidade abriga indústrias agroalimentares que agregam valor à produção local.

Campo Verde, por sua vez, sedia empresas que atuam no setor de beneficiamento de algodão (maior polo têxtil de mato grosso), madeira, fiação, tecelagem, ração animal, pré-moldados de concreto, confecção, produtos químicos, biodiesel, fertilizante foliar, adubo orgânico, metalurgia e metal-mecânico.

Os representantes do grupo industrial chinês participou do evento Invest in MT, realizado em Pequim, no dia 25 passado, cuja apresentação foi feita pelo secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda. Ele detalhou que o Estado cresce conservando 62% do território e que tem oportunidades na agroindústria, principalmente com a instalação da Zona de Processamento de Exportação (ZPE), em Cáceres (230 km a Oeste de Cuiabá), que foi construída na gestão do governador Mauro Mendes e, recentemente, teve liberação de funcionamento pela Receita Federal.

O grupo chinês atua na produção e distribuição de produtos biológicos fermentados. A empresa fornece principalmente aminoácidos nutricionais para animais, aminoácidos médicos humanos e produtos para otimização do sabor dos alimentos. 

COMPARTILHE:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais notícias
Relacionadas

IFMT divulga edital de vagas remanescentes para cursos de graduação

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de...

Motociclista é socorrido após colisão com carro em Sinop

O acidente envolvendo a Yamaha Fazer vermelha e o...

Quatro cursos são ofertados em Núcleo Tecnológico em Sinop

O Núcleo Tecnológico Municipal Maria Tereza da Silveira Gava...
PUBLICIDADE