Economia

Cuiabá tem maior volume de empregos gerados no Estado

A capital teve, em junho, 2.631 funcionários contratados a mais em empresas e indústrias nos mais diversos segmentos. Juntas, admitiram 10.378 e demitiram 8.017

O setor de serviços empregou 5.497 e dispensou 4.087, ficando com saldo de 1.410 funcionários contratados a mais em diversas atividades. A construção civil segue entre os segmentos com mais geração de empregos e em junho 382 pedreiros, serventes e auxiliares foram contratados a mais, saldo de 1.252 admissões e 870 demissões.

O comércio empregou 389 a mais, resultado de 2.848 contratados e 2.459 dispensados.  As indústrias admitiram 142 trabalhadores a mais, saldo de 683 que começaram a trabalhar e 541 mandados embora. Na agropecuária foram 38 contratados a mais, salde de 90 admissões e 68 demissões.

Conforme Só Notícias já informou, Lucas do Rio Verde chega ao 6º mês seguido gerando mais empregos formais, com 412 empregados a mais. Sinop teve 786 contratados a mais em junho. Sorriso liderou na região com 855 admitidos a mais.

 

 

 

Só Notícias (foto: Luis Alves/arquivo/assessoria)