Economia

BNDES vai financiar linha de transmissão de energia no Mato Grosso

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai financiar com cerca de R$ 73 milhões a implantação da Linha de Transmissão Coxipó-Cuiabá-Rondonópolis(MT) pela empresa Amazônia Eletronorte Transmissora de Energia S/A (AETE).
     
A linha deverá entrar em operação em agosto próximo. O projeto deve gerar, durante a fase de implantação, 400 empregos diretos e mais de 100 postos de trabalho indiretos. A participação do BNDES será de 66,1% do valor total do projeto, segundo a assessoria de imprensa.
     
Segundo o BNDES, a linha Coxipó-Cuiabá-Rondonópolis quer otimizar o sistema de transmissão de Mato Grosso, contribuindo para uma melhor operação do Sistema Interligado Nacional. Com a entrada em operação este ano da Hidrelétrica Ponte de Pedra, o estado do Mato Grosso alcançará uma capacidade instalada de 1,450 mil MW para uma demanda máxima estimada de 620 MW. A implantação da linha de transmissão permitirá que o excedente de 830 MW seja exportado para outras regiões consumidoras, em especial o Sudeste, avalia o BNDES