Cultura

Cuiabá: mais de 250 instrumentistas se apresentam 3ª no concerto UFMT com a Corda Toda

O programa de extensão “UFMT com a Corda Toda” da Universidade Federal de Mato Grosso promove, na próxima terça-feira (10), a partir das 20h, no Teatro Universitário, o concerto semestral dos projetos vinculados à ação. Estarão no mesmo palco os participantes dos projetos “José Leite com a Corda Toda”, “UFMT em Cordas”, “Violões da UFMT”, “Camerata Cuiabana”, reunindo aproximadamente 260 instrumentistas.

O repertório contará com canções folclóricas e composições de M. Giuliani, S. Suzuki, Johann Sebastian Bach, Carl Maria von Weber, Thomas Haynes Bayly, Georg Friedrich Händel, Antonín DvoÅ?ák, Friedrich Seitz, Ludwig van Beethoven, Niccolò Paganini, Johannes Brahms, Robert Schumann, Luiz Gonzaga, Wolfgang Amadeus Mozart, Jules Massenet e Jacques Offenbach. Outro destaque, que será executado pelo “José Leite com a Corda Toda” é a canção Forrobodó, de Odenil Seba.
De extensionista a solista

Aos 18 anos, Jhonni Campois, estudante do curso de música da UFMT no bacharelado com habilitação em violino, viverá um momento especial nesta apresentação. Ele, que começou o estudo do instrumento aos 14 anos, como um dos alunos do projeto, participará pela primeira vez como solista da Camerata Cuiabana na canção “Meditation form ‘Thais’”. Estudante do terceiro semestre, que hoje também é bolsista do “UFMT com a Corda Toda” e atuando como professor no programa, seu primeiro interesse foi em aprender outro instrumento: o violoncelo. No entanto, como não houve essa possibilidade, começou a fazer as aulas de violino. “Apaixonei-me pelo instrumento e foi essa paixão que me fez cursar a graduação e resolver fazer isso pelo resto da vida”, destaca.

Iniciado em 2016, o programa “UFMT com a Corda Toda” tem dois grandes eixos: a formação musical de crianças, jovens e adultos (em violino, viola, violoncelo e violão) e a formação docente e performática dos alunos dos Cursos de Bacharelado e Licenciatura em Música da UFMT.

Não haverá cobrança de ingressos. A informação é da assessoria da universidade.

Só Notícias (foto: arquivo/Edson Rodrigues)